Manel Ollé

Regressar

Manel Ollé. Nasci em Barcelona em 1962. Escrevi sobre livros em alguns jornais e revistas e também publiquei uns quantos livros de poesia.

Se comecei a interessar-me pela cultura chinesa foi, em parte, devido a um livro de poemas chineses antigos (onde havia um sobre a emoção de um músico que deixa o alaúde em cima da mesa e ouve como o vento faz soar as cordas, e a música surge sozinha). Também me interessei pelo Livro do Tao por casualidade: à saída de um concerto de música cubana, um amigo disse-me que estava a estudar chinês na Escola de Línguas e que o professor Ding era muito bom. Desde que comecei a aprender chinês já não consegui parar.

Assim, apesar de ter estudado literatura catalã, agora dou aulas de História e Cultura Chinesas na universidade, traduzi para catalão um livro escrito em chinês e investigo sobre os piratas e os comerciantes da dinastia Ming. Também pratico as artes marciais suaves do Tai-Chi e do Tui-Shou.

Autor de:

  • Tao Manel Ollé, Neus Caamaño Tao Fragments del vell camí xinès del m...

Em espanhol:

  • Tao Manel Ollé, Neus Caamaño Tao Fragmentos del viejo camino chino d...

  • Tao Manel Ollé, Neus Caamaño Tao Fragmentos do antigo caminho chinês...
Fotografias Clica para descarregar as fotografias em alta resolução